Caldeiras Aquatubulares e Flamotubulares

Autor: Vitor Roque da Silva

Curso Operador Termelétrica – Somática Educar

  1. INTRODUÇÃO:
    De acordo com a NR13, caldeiras a vapor são equipamentos destinados a
    produzir e acumular vapor sob pressão superior à atmosférica, utilizando qualquer fonte de energia, projetados conforme códigos pertinentes, excetuando-se refervedores e similares.
    Para que haja um melhor entendimento sobre o conceito de uma caldeira aquatubular, devemos compara-la com a forma de funcionamento das caldeiras flamotubulares.
    Em caldeiras flamotubulares, os gases são transportados através de tubos até chegar ao interior da caldeira, tendo a água ao redor destes tubos. Já o processo na caldeira aquatubular é oposto, ou seja, a água a ser aquecida passa no interior de
    tubos que, por sua vez, são envolvidos pelos gases de combustão.
    As caldeiras aquatubulares surgiram com o objetivo de atender a demanda que as caldeiras flamotubulares não atendiam até então, sso porque, as caldeiras flamotubulares têm duas características: suportam baixas pressões e; apresentam uma pequena superfície de aquecimento. Assim, o desenvolvimento da caldeira aquatubular
    foi uma maneira de gerar uma maior quantidade de vapor associado também à capacidade de suportar maior nível de pressão.

Leia todo o artigo abaixo

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.